O livro Linhas da Guerra, desenvolvido por Gustavo Vitulo, estudante de Design Gráfico da Universidade do Estado de Minas Gerais, mostra a relação entre a 2ª Guerra Mundial e o design gráfico e editorial. O livro traz, lado a lado, uma linha do tempo entre marcos deste período bélico e do design, estabelecendo influências, apresentando correlações e esclarecendo funcionalidades. 

Para o estudante, as principais transformações ocorridas no design editorial neste período foram:

“No design aplicou-se a máxima clareza, layouts estruturados, nitidez, minimalismo, fotografias objetivas, funcionalidade, levando-se em consideração as necessidades do homem e a compreensão da mensagem. O Estilo Internacional foi propagado mundialmente. A Segunda Guerra Mundial também foi responsável por revelar alguns expoentes do design de cartazes devido à grande necessidade de estimular a produção e desenvolvimento dos países, influenciando a opinião das pessoas através da propaganda.”

 

58

59

60

61

 

Compartilhe: