Em uma transição entre instalações e fotografia, o norueguês Rune Guneriussen utiliza a natureza do seu país como seu principal campo artístico. Desde 2005, ele tem viajado pelas suas terras de origem com o objetivo de construir os seus principais trabalhos de escultura e exibição.

“O longo trabalho de um homem em instalação de larga escala é um processo desencadeador do genoma artístico. Esse processo envolve a história do objeto, espaço e o mais importante: o tempo que isso é feito. Essa é a abordagem para o balanço entre natureza e cultura humana, e todos os sub níveis da nossa própria existência”, explicou o artista em seu site.

Saiba mais sobre ele no www.runeguneriussen.no

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhe: