O designer freelancer de Manchester, mas com residência fixa na Irlanda, Steve Simpson, se diverte com os códigos de barras das embalagens produzidas por ele para algumas marcas. “Considerando o tanto de bens em embalagens que eles comandam, por que não poderiam ser mais divertidos?”, indaga o inglês.

Além de trabalhar com embalagens, Simpson se dedica também a projetos envolvendo ilustração e arte para livros infantis.

Em seu portfólio no Behance, ele deu algumas dicas sobre como fazer os códigos de barras serem mais divertidos:

– Cores podem ser mudadas, mas requerem bons contrastes para a legibilidade na leitura;

– a série de números só está lá para ajudar um humano a interpretar o código de barras; mude a maldita fonte!

– espaço deve ser deixado em cada extremidade, então o scanner pode reconhecer o começo e o final do código;

-Para legibilidade; lá deve ter uma série de tamanho saudável horizontal de códigos ininterruptos.  

– Teste ele! Imprima e cheque  usando o aplicativo de leitor de código de barras nos eu smart phone.

Para conhecer mais dicas de Simpson, acesse: www.stevesimpson.com/

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhe: