Durante um ano, o paulista Guilherme Kramer cobriu a parede de um escritório em São Paulo com a multidão, como ele mesmo coloca em seu site. “We see people in the crowd” – nós vemos pessoas na multidão, em tradução livre para o português -, é um dos inúmeros trabalhos realizado pelo brasileiro, que atualmente mora e estuda em Barcelona, na Espanha.

Em seu portfólio, ele diz que geralmente vai para as ruas e anda da melhor forma para assistir o mundo passar. “Eu ando, ando, e eu fico rouco de tanto ver. Pessoas, linhas, ângulos, até se isso for só um rosto. Eu volto para casa, pego uma folha de papel, que é onde as coisas começam a emergir. Eu gosto de dialogar com o papel. Essa conversa vai até tarde. Eu penso em desenhar coisas que são vistas, ouvidas e pensadas”, descreve o artista.

Os trabalhos de Kramer já passaram por exposições em Roma, Barcelona, São Paulo, Curitiba, Rio de Janeiro e Bern, na Suíça. Para conhecer mais sobre ele, acesse www.guilhermekramer.com/

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhe: