A embalagem, extraída de uma planta aquática, é inspirada na filosofia do rei tailandês, que prega a suficiência econômica, a sustentabilidade e a autoconfiança. O discurso carregado do rei resultou em um pacote amigo do meio ambiente por chamar a atenção dos consumidores, melhorar a qualidade dos frutos tailandeses no mercado e pelo fato de se decompor em três meses e poder ser enterrado, é o que afirma o site The die line.

O produto é feito para embalar a famosa fruta Pomelo, da província Chainat, por meio da utilização do jacinto da água, uma planta encontrada em algumas regiões do país. Os responsáveis por transformar a matéria-prima em embalagem é a população local dessas localidades, que confeccionam cada uma das peças à mão.

A empresa que assina o projeto é a Yod Cosporation Co. Ltd.

 

 

 

 

 

 

Compartilhe: