OS+A é uma empresa de arquitetura com foco em estudos de paisagens naturais e como elas podem ser reinterpretadas e aplicadas nas necessidades atuais de moradia, trabalho e jogos. Com base em Londres e Amsterdam, a equipe lançou essa nova proposta de prédios, que são resultados de estudos sobre ventos.

Com a combinação de diferentes gráficos, eles chegaram a conclusão que a melhor orientação e a forma como modelar seria de acordo com a direção dos ventos predominantes. Com esse método, é possível evitar que a estrutura se mova com as fortes cargas de ventos, por consequência, evitando fricções e funcionando melhor como um túnel de vento.

A inspiração da área externa veio da observação do abdômen (cauda) da lagosta, pois “o esqueleto do abdômen tem várias funções relacionadas a sobrevivência e re-produtividade do crustáceo. O projeto da área externa joga uma regra similar a essa do abdômen da lagosta, providenciando uma casca protetora da qual a força do vento e energia solar podem ser colhidas”, explica a empresa.

Saiba mais: www.organic-scapes.com

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhe: