Em uma casa, quando ligamos uma lâmpada, muitas vezes, acabamos desperdiçando o potencial de utilização da luz de um ambiente. A designer tcheca Kristýna Pojerová sabendo que a maioria dos seres vivos no planeta depende de luz para crescer e viver, enxergou uma forma de minimizar o desperdício e desenvolveu uma mini casa verde com dupla função. Ela serve tanto como luminária quanto de incubadora para cultivar ervas.

Glasshouse é o nome da estufa de vidro de formato circular, aberta no centro com o objetivo de dar fácil acesso ao cultivo das ervas, além de permitir a livre passagem da luz na incubadora e no ambiente externo. A ventilação das plantas fica por conta das pequenas aberturas na parte superior do vidro. 

A casa de vidro esteve em amostra no Prague designblok 2011 e cumpre com os requisitos de peças pensadas para suprir as necessidades de residências urbanas modernas.

 

 

 

 

 

Compartilhe: