Chegamos ao 17º dia do ‘30 days on the street’, com a imagem da Thábatta. E ela diz que “essa foto foi tirada com intuito de mostrar que mesmo no fim de um percurso, pode existir um recomeço. A vida não é somente uma linha reta e contínua, mas sim um traço que sofre curvas e que possui as mais diversas paisagens. Nada melhor do que observar o que vem pela frente. Tudo é uma questão de ponto de vista”.

Compartilhe: