Quando pensamos sobre o mercado editorial contemporâneo, é importante nos atentarmos ao histórico de publicações no Brasil e o caminho que levou a este panorama nacional que – para nós, produtores e consumidores de conteúdo no meio impresso – vai de mal a pior. Para discutirmos estas questões, faremos uma série de três textos com artigos e materiais pesquisados pela abcLAB (extensão da abc em pesquisa e experimentos de projetos) que utilizamos na nossa oficina sobre publicação no NDesign 2016.

Esta terceira parte traz publicações que nos inspiram pela forma que são produzidas:

 

AzMina

http://azmina.com.br/

AzMina é uma instituição sem fins lucrativos cujo objetivo é usar a informação para combater os diversos tipos de violência que atingem mulheres brasileiras, para isso desenvolvem a Revista AzMina e organizam cursos, palestras, debates, workshops, campanhas virtuais e grupos de apoio psicológico.

A Revista AzMina é uma publicação online e gratuita com um jornalismo investigativo acessível.

 

Berlin Quarterly

http://berlinquarterly.com/

BERLIN QUARTERLY é uma revista europeia que se propõe a publicar reportagens e histórias a partir de uma perspectiva global, combinando o jornalismo, a literatura e as artes visuais.

 

1Granary

http://1granary.com/

1Granary é um site e uma revista criada pelos estudantes da Central Saint Martins, Royal College of Art, Parsons e Antwerp Fashion Department dedicada divulgar o projetos de todas as gerações de alunos.

 

Flauner

http://flaneur-magazine.com/buy/issues/

Flauner é uma revista nômade e independente que em cada edição foca em uma rua. Se propõe a demonstrar a complexidade de cada rua a partir de uma abordagem literária. A revista é produzida por vários artistas que passam dois meses no “local tema”.

 

99u

http://99u.com/magazine

A 99U tem como objetivo capacitar a comunidade criativa. Para isso são publicadas matérias diariamente no site, a cada três meses na revista e anualmente na conferência 99U.

Cada edição da revista 99U possui conselhos para executar grandes ideias e aproxima o leitor de artistas, designers e empreendedores detalhando o perfil e a vida de seus entrevistados.

 

Migrant Journal

https://migrantjournal.com/

Uma publicação destinada à circulação de pessoas e os universos que a cercam.

 

Capitolina

http://www.revistacapitolina.com.br/

Revista online independente para garotas adolescentes. Procura abraçar seu público sem restrições de classe social, raça, orientação sexual, aparência física, ou qualquer outra forma de interesse e fala de diversos assuntos que permeiam a adolescência (ou não!).

A cada mês um tema é escolhido e é o foco das principais matérias; diariamente, colunas sobre diferentes áreas de interesse.

Compartilhe: