Nesse livro recém-lançado da Taschen, Giorgio Moroder, um produtor e compositor italiano, mostra um coleção de vinis que fogem do pretinho básico, em uma pletora de cores, formas, impressões e efeitos. A publicação foi feita em conjunto a revista Colors (que logo vai ganhar um post só sobre ela) e mostra 400 dos mais excepcionais discos dos colecionadores: Alessandro Benedett, cuja coleção tem 8 mil vinis, dos quais 1.200 são coloridos, e Peter Bastine, que tem 8 mil “picture discs” entre seus 18 mil discos, figurando no Guiness.

capa

Ron Wood: Sure The One You Need, LP Multicolorifo, 1974, Perfect Beat

Ron Wood: Sure The One You Need, LP Multicolorifo, 1974, Perfect Beat

Various artists: The Label (Sofa), LP, 1979, The Label Records

Vários artistas: The Label (Sofa), LP, 1979, The Label Records

Valerie Claire: Shoot Me Gino, Vinyl Multicolorido 12" polegadas, 1985, Blow Up Records

Valerie Claire: Shoot Me Gino, Vinyl Multicolorido 12" polegadas, 1985, Blow Up Records

Milltown Brothers: Here I Stand, Vinyl Entalhado 12", 1991, A&M Records

Milltown Brothers: Here I Stand, Vinyl Entalhado 12", 1991, A&M Records

The Rolling Stones: She Was Hot, Single com formato especial, 1984, EMI

The Rolling Stones: She Was Hot, Single com formato especial, 1984, EMI

Pesquisando um pouco mais, pois ficamos curiosos para saber se esse discos funcionam dizem que discos coloridos não têm a mesma qualidade) e como são feitos, descobrimos dois vídeos bacanas: um com uma entrevista com Benedett e outro da BBC explicando como se produzem vinis – bem complicado! (veja mais embaixo)

Everything in its Place from Alex Healey on Vimeo.

Compartilhe: