Reconhecido pela composição de luzes nas suas mais diversas obras, de Moça com Brinco de Pérola”, um dos quadros mais importantes da história da arte, aA Aula de Música” pintado em 1962, Johannes Vermeer, um exímio pintor barroco, durante anos teve sua pintura e técnica escondidos por pseudônimos e mistérios da metodologia utilizada para atingir a perfeição em suas pinturas.

Este enigma começou a ser quebrado com o historiador de arte Théophile Thoré (que adota o pseudônimo W. Bürger), ao atribuir a Vermeer mais de 75 pinturas até então assinadas com diversos pseudônimos. O estudo da obra e da técnica de Vermeer continuou no século XX e persiste.

No ano de 2013 foi lançado  Tim´s Vermeer, dirigido pela dupla de mágicos Penn e Teller, o documentário conta a obsessão de Tim Jenison para desvendar a técnica e o método de pintura de Vermeer. Após um profundo estudo sobre os materiais disponíveis na época, as técnicas que estavam sendo desenvolvidas e a impossibilidade de uma pintura perfeita a olho nu, Jenison chegou à fórmula perfeita da arte de Vermeer.

O documentário Tim’s Vermeer, está disponível no Netflix!

 

“Moça com Brinco de Pérola”

Tim + Vermeer

Tim Jenison e sua recriação de “A Aula de Música”

Compartilhe: